Doenças Leidiana Torres

Câncer De Ovário: Causas, Efeitos Colaterais E Tratamentos

Esse tipo relativamente incomum de câncer ocorre quando há proliferação de células malignas em um ou ambos os ovários. Estas são as glândulas reprodutivas encontradas nas mulheres. Os ovários são responsáveis ​​pela produção dos ovos necessários para a reprodução e são também a principal fonte dos hormônios femininos estrogênio e progesterona. Há um ovário em cada lado do útero.

Os ovários compreendem três tipos diferentes de células. Cada célula pode se desenvolver em um tipo diferente de tumor:

  • Os tumores epiteliais, que são a forma mais comum da doença, cobrem a superfície externa do ovário.
  • Os tumores de células germinativas começam nas células que produzem os óvulos.
  • Os tumores estromais afetam as células estruturais do tecido que mantêm o ovário juntos.

A maioria dos casos de câncer de ovário é assintomática, até atingirem seus estágios avançados. Mesmo assim, os sintomas são vagos e inespecíficos. Infelizmente, atualmente não há bons testes de rastreamento para o câncer de ovário. Os profissionais médicos desencorajam as mulheres a fazer exames de sangue, pois são praticamente imprecisas e podem levar a cirurgias desnecessárias.

Dito isto, as mulheres devem consultar o seu ginecologista se experimentarem um mal-estar geral e vago com sintomas como: fadiga, inchaço no abdômen, inchaço nas pernas, alterações no movimento intestinal e falta de ar.

As mulheres que têm história familiar de câncer de ovário correm mais risco de desenvolvê-lo à medida que atingem a idade reprodutiva. Outros fatores de risco incluem: Idade (quanto mais velha a mulher, maior o risco dela); menarca precoce (ter uma primeira menstruação com menos de 12 anos); uso de controle de natalidade; obesidade; e nunca engravidar (nuliparidade).

Os estágios do câncer de ovário  são os seguintes:

Estágio 1 – Limitado a um ou ambos os ovários

Estágio 2 – Limitado à região pélvica

Estágio 3 – O câncer se espalhou para fora da pelve, mas se limita ao abdômen

Estágio 4 – A doença se espalhou para o fígado ou para fora do abdômen

Câncer de ovário

Câncer de ovário

Sintomas conhecidos de câncer de ovário

Como mencionado anteriormente, esse câncer é insidioso em sua manifestação. Muitas mulheres já podem ter o câncer em seus estágios iniciais, mas não reconhecê-lo. Além disso, os sintomas do câncer de ovário podem ser confundidos com outras condições, como síndrome do intestino irritável, problema temporário da bexiga ou até mesmo uma gravidez ectópica.

As mulheres que experimentam persistência ou o agravamento gradual dos sintomas, no entanto, são encorajadas a consultar seu ginecologista.

Alguns sintomas a serem observados incluem:

  • Falta de ar
  • Mudanças nos hábitos intestinais
  • Micção freqüente
  • Azia
  • Indigestão
  • Perda de apetite
  • Náusea
  • Dor durante a relação sexual
  • Dor na pelve e na parte inferior do corpo
  • Perda de peso inexplicável

Sistemas do corpo prejudicados pelo câncer de ovário

O câncer afeta o sistema reprodutivo da mulher.

Alimentos ou nutrientes que podem prevenir o câncer de ovário

Há evidências que sugerem que esses nutrientes podem ser úteis na prevenção do câncer de ovário:

  • Genisteína (encontrada em muitos produtos de soja)
  • Gengibre
  • Ginkgo biloba
  • Chá verde
  • L-carnosina (encontrada em itens alimentares como edamame, espargos e agrião)
  • Quercetina (abundante em maçãs e vinho tinto)
  • Cogumelos Reishi
  • Vitamina D

Além disso, as mulheres são aconselhadas a comer muitos vegetais verde-escuros e outros alimentos coloridos.

Tratamentos, planos de manejo para câncer de ovário

O câncer de ovário é geralmente tratado com uma combinação de cirurgia, quimioterapia e radioterapia. Alguns oncologistas também podem prescrever o tratamento hormonal.

Aqueles que escolhem um caminho mais natural podem tentar estes:

  • Cogumelos Shittake  – Estes contêm beta-glucana, que mostra potencial em parar o crescimento de alguns tipos de câncer.
  • Chá de hortelã  – A bebida contém vários compostos que fortalecem o sistema imunológico e promovem uma recuperação mais rápida.
  • Produtos de soja  – As isoflavonas encontradas nesses itens impedem a transmissão de células cancerígenas. Há também estudos que sugerem sua eficácia na proteção do corpo contra os efeitos colaterais da quimioterapia.
  • Cebolas vermelhas  – Estes têm incrivelmente altas quantidades de antioxidantes que estimulam o sistema imunológico.

Resumo

O câncer de ovário é a quinta causa comum de câncer em mulheres.

Fatores de risco para o desenvolvimento de câncer de ovário incluem história familiar, idade avançada, história reprodutiva e obesidade.

Não há boas opções de rastreamento para o câncer de ovário.

As fontes incluem:

Cancer.gov

Cancer.org

MedicineNet.com

RaySahelian.com

StepToHealth.com

Leidiana Torres

Sobre o autor | Website

Bacharel em Enfermagem e fundadora do Mente Sã Corpo São. Contato: leidianatdn@gmail.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.