Saúde e Bem Estar Leidiana Torres

Benefícios da luz solar para saúde

Não são apenas as plantas que absorvem e metabolizam a luz solar, nós seres humanos também fazemos isso.  A exposição solar em excesso e sem proteção é o que causa doenças e sinais de envelhecimento precoce, no entanto, precisamos da mesma por diversos motivos. Conheça os benefícios da luz solar para saúde.

Pressão arterial

Em um estudo de referência, um grupo de pesquisadores descobriu que um composto chamado óxido nítrico que ajuda a baixar a pressão sanguínea é liberado nos vasos sanguíneos assim que a luz do sol toca a pele. Essa descoberta foi importante porque, até então, pensava-se que os únicos benefícios à saúde da luz solar para os seres humanos era estimular a produção de vitamina D.

Saúde óssea

É um fato bem conhecido que a vitamina D estimula a absorção de cálcio e fósforo no organismo. No entanto, pesquisas emergentes também indicam que há uma correlação direta entre a densidade óssea e a vitamina D3. 

A vitamina D3 é lipossolúvel  formada durante o processo de fabricação da vitamina D quando a luz solar atinge a pele. Regula a  absorção de cálcio. Quando você tem níveis mais altos de vitamina D3 no sangue, corre um risco menor de sofrer fraturas de praticamente todos os tipos. Por outro lado, níveis mais baixos de vitamina D3 no sangue estão associados a uma taxa mais alta de todos os tipos de fraturas. É por isso que a exposição ao sol é especialmente importante para a saúde óssea em adultos mais velhos.

Função cerebral

Além de promover a saúde óssea e regular os níveis vitais de cálcio, os cientistas agora vincularam a vitamina D a várias funções em todo o corpo, incluindo o funcionamento do cérebro.

Qualidade do sono

Quando a luz solar atinge nossos olhos, uma mensagem é enviada para a glândula pineal no cérebro e a produção de melatonina (um hormônio que nos deixa sonolentos e nos ajuda a dormir) é desligada até o sol se pôr novamente. Seu corpo recebe um sinal claro de que não é mais noite e isso ajuda a manter um ritmo circadiano normal. 

Quando escurece do lado de fora, seu corpo recebe o sinal novamente e você se sente cansado e sonolento na hora de dormir. Os baixos níveis de produção de melatonina à noite devido à superprodução durante o dia têm sido associados à baixa qualidade do sono, especialmente em adultos mais velhos. 

Abandone os óculos de sol no início da manhã, quando acordar, se possível, para que seu corpo receba a mensagem de que é dia e desencadeia a glândula pineal para parar de liberar melatonina.

Distúrbios da pele

A luz solar promove a cura de doenças da pele, como acne, psoríase, eczema, icterícia e outras infecções fúngicas da pele. Em um estudo, por exemplo, uma terapia de banho de sol ao ar livre de quatro semanas foi usada com sucesso para eliminar significativamente os sintomas da psoríase em 84% dos indivíduos. 

Embora a exposição ao sol tenha um efeito terapêutico sobre a pele e a luz solar tenha sido usada com sucesso no tratamento de doenças da pele, esse método alternativo de tratamento deve ser feito sob supervisão médica para evitar efeitos colaterais negativos da radiação UV e garantir que os benefícios superem os riscos.

Aumenta o crescimento em crianças

Esse benefício é especialmente verdadeiro para bebês. Estudos revelam que a quantidade de exposição ao sol nos primeiros meses da vida de um bebê afeta a altura em que a criança cresce. Muitas culturas ao redor do mundo reconhecem esse fato e expõem as crianças ao sol suave para aumentar o crescimento e a altura.

Sistema imunológico

A exposição ao sol pode ajudar a suprimir um sistema imunológico hiperativo, o que poderia explicar por que a luz solar é usada para tratar doenças auto-imunes como a psoríase. E como os glóbulos brancos aumentam com a exposição ao sol e desempenham um papel fundamental no combate a doenças e na defesa do corpo contra infecções, a exposição moderada ao sol é muito útil para o seu sistema imunológico.

Mesmo que a exposição solar nos proporciona diversos benefícios, é preciso se atentar aos horários adequados para tal e uso de protetor solar. Além de consultar um médico dermatologista para orientações.

Leidiana Torres

Sobre o autor | Website

Bacharel em Enfermagem e fundadora do Mente Sã Corpo São. Contato: [email protected]

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.